Por que homens gostam de anal?

No Estudo da Vida Sexual do Brasileiro (Carmita Abdo, 2004) o sexo anal faz parte do roteiro sexual de 28,4% dos homens e 15% das mulheres. A prática do sexo anal é cercada de mitos e tabus, a penetração anal deve ser um processo lento e gradual; além disso, é fundamental que o casal esteja relaxado e se sinta à vontade.

Como o ânus não lubrifica espontaneamente com a excitação, é necessário o uso de lubrificantes e o ideal é que os movimentos sejam comandados pelo penetrado (homem ou mulher) para prevenir desconfortos iniciais, e dar mais confiança.

A mulher poderá chegar ao orgasmo com a penetração anal, principalmente se manter a estimulação no clitóris.

Para homens a penetração anal estimula a próstata o que provoca prazerosas sensações, recebendo a denominação de “Ponto G” masculino.

A grande maioria dos homens fantasiam e sonham com o sexo anal, onde o “poder” penetrar nesse orifício cheio de mistérios e tabus lhe transmite força e empoderamento, deixando-o mais viril e másculo, ou seja, exalando felicidade masculina.

Apesar de saber da grande cobiça dos homens pelo anus, as mulheres em sua maioria sentem-se submetidas a vontade do homem ao aceitarem esse tipo de penetração, o que pode trazer um trauma e levar até a aversão ao sexo.

Sexo bom é aquele onde ambos os parceiros estão desejosos, que ambos empenhem-se nas preliminares deixando um ambiente propício para a pitada de sacanagem que o sexo de maneira geral exige.

Conversem, tirem suas dúvidas, cheguem a um consenso e lembrem-se, o sexo anal aumenta a chance de transmissão do HIV, por isso previnam-se sempre e lubrifiquem-se. ❤️ 🔥